UMA CRÍTICA E UMA CONSTRUÇÃO DA ABORDAGEM SOBRE RODOVIAS NA AMAZÔNIA: O CASO DA BR-319

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18227/2317-1448ted.v1i32.3626

Palavras-chave:

complexidade, geografia, rodovia.

Resumo

O objetivo deste texto é demonstrar uma possibilidade teórica de elucidar um tema regional de pesquisa para diversas áreas das ciências humanas, em destaque, na ciência geográfica. Nesse sentido, este trabalho busca demonstrar caminhos teóricos e empíricos, assim como, contraposições às concepções científicas referentes à rodovia BR-319 (Manaus-Porto Velho). Por fim, visa concatenar uma gama de reflexões sobre o objeto de análise, a partir de elementos da nova ciência.

Biografia do Autor

Thiago Oliveira Neto, Universidade Federal do Amazonas UFAM

Graduado em Geografia pela UFAM, foi bolsista CNPq durante três projetos de PIBIC. Aluno Especial no Programa de Pós-graduação em Geografia - UFAM.

Downloads

Publicado

18/07/2019

Como Citar

NETO, T. O. UMA CRÍTICA E UMA CONSTRUÇÃO DA ABORDAGEM SOBRE RODOVIAS NA AMAZÔNIA: O CASO DA BR-319. Textos e Debates, [S. l.], v. 1, n. 32, 2019. DOI: 10.18227/2317-1448ted.v1i32.3626. Disponível em: http://revista.ufrr.br/textosedebates/article/view/3626. Acesso em: 25 fev. 2024.

Edição

Seção

Artigos e Comunicações