IMPLICAÇÕES COM ESTABELECIMENTO DO SETOR ENERGÉTICO E AS CONSEQUÊNCIAS NAS COMUNIDADES TRADICIONAIS DE UM TERRITÓRIO AMAPAENSE

Autores

  • Karoline Fernandes Siqueira Campos Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba, Rodovia-426, S/N - Zona Rural, Princesa Isabel - PB
  • Marcelo Rodrigues Mendonça Universidade Federal de Goiás, Av. Esperança, s/n -Chácaras de Recreio Samambaia, Goiânia -GO
  • Vinícius Batista Campos Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba, Rodovia-426, S/N -Zona Rural, Princesa Isabel -PB
  • Paulo Lucas Cândido de Farias Universidade Federal de Pernambuco, Av. Prof. Moraes Rego, 1235 -Cidade Universitária, Recife -P

Palavras-chave:

Território, Usina hidroelétrica, Comunidade tradicional, Amapá.

Resumo

As ‘Cidades da Floresta” são aquelas regiões planejadas e construídas quase que instantaneamente para abrigar, confortavelmente, apenas o trabalhador do grande projeto de investimento. Áreas desse tipo redefiniram o contexto regional da Comunidade tradicional do Iratapuru/AP, abrigando pessoas de forma temporária para atender a realização de uma determinada construção de modo imediato. Isso resultou em algumas implicações e (re)existência dos povos tradicionais com a construção de uma Usina Hidroelétrica. Logo, o presente trabalho tem como objetivo compreender e analisar as implicações territoriais da construção e do funcionamento Usina Hidrelétrica de Santo Antônio do Jari na Comunidade Tradicional do Iratapuru, na Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Iratapuru – RDSI, localizado no sul do Estado do Amapá. Verificou que o empreendimento provocou alterações nas relações socioambientais e na percepção das pessoas no seu sentido de lugar como pertencimento no espaço

Biografia do Autor

Karoline Fernandes Siqueira Campos, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba, Rodovia-426, S/N - Zona Rural, Princesa Isabel - PB

Graduada em Secretariado Executivo

Especialista em Planejamento, gestão de EAD

Mestre em Desenvolvimento Regional

Doutora em Geografia

Downloads

Publicado

24/08/2022

Edição

Seção

Artigos