DEMOCRACIA E PARTICIPAÇÃO: DA TEORIA À PRATICA TERRITORIAL E AS INTERAÇÕES ESCALARES

Rodrigo Nunes Ferreira

Resumo


O artigo propõe uma reflexão sobre a concepção de democracia participativa e as possibilidades e limites de sua implementação numa visão multiescalar do território. Observa-se que o debate sobre a democracia participativa deve incorporar as possibilidades de articulação de processos multiescalares, com conexões de ações da escala global à escala local. Na escala local a proximidade escalar torna possível perceber a lógica da ação participativa sobre a ação estatal, e seu impacto na construção de cidades mais democráticas. Entretanto, as iniciativas de democracia participativa também devem ser observadas em suas relações escalares segundo outra ótica: a das relações de poder estabelecidas nas diversas escalas. Nesta perspectiva é necessário compreender os processos de construção social das escalas dos fenômenos, bem como os discursos que tentam circunscrever determinados processos apenas ao nível local.

Palavras-chave


democracia participativa; escala; território

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5654/acta.v9i20.2295




INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

Geoscience e-Journals

Previous

Random

Next

List

ACTA GEOGRÁFICA
Revista do Curso de Geografia
Universidade Federal de Roraima (UFRR)
Telefone: +55 (95)3621-3162
E-mail: luiza.camara@ufrr.br
Boa Vista - Roraima - Brasil

Revista sob Licença Creative Commons