A questão chavista na historiografia

Autores

  • Tiago Santos Salgado Centro de Estudos de História da América Latina (CEHAL - PUC-SP)

DOI:

https://doi.org/10.18227/2317-1448ted.v1i34.6466

Palavras-chave:

VENEZUELA, HUGO CHÁVEZ, HISTORIOGRAFIA

Resumo

O artigo tem o objetivo de apresentar um mapa historiográfico acerca do período chavista na Venezuela, situando como diversos intelectuais pensam e problematizam as questões relacionadas a natureza do regime político venezuelano após a chegada de Chávez ao poder político em 1998, assim como a própria dinâmica das lutas de classe no país e a forma como os diferentes atores sociais e políticos se alinharam em relação às políticas neoliberais. Por fim, esperamos oferecer aos interessados na história recente venezuelana uma ferramenta que abarque diversas leituras e arcabouços teóricos que possam auxiliar nas reflexões críticas acerca dos processos políticos e sociais vigente no país. Palavras-chave: Venezuela; Hugo Chávez; Historiografia

Biografia do Autor

Tiago Santos Salgado, Centro de Estudos de História da América Latina (CEHAL - PUC-SP)

Doutor em História pela PUC-SP, Mestre em História pela PUC-SP e graduado em História pela Unesp.

Downloads

Publicado

24/06/2020

Como Citar

SALGADO, T. S. A questão chavista na historiografia. Textos e Debates, [S. l.], v. 1, n. 34, 2020. DOI: 10.18227/2317-1448ted.v1i34.6466. Disponível em: https://revista.ufrr.br/textosedebates/article/view/6466. Acesso em: 25 fev. 2024.

Edição

Seção

Dossiês