ANÁLISE CRUZADA DA APLICAÇÃO DE UM MODELO MATEMÁTICO NA GESTÃO DOS ESTOQUES DE MATÉRIAS-PRIMAS E OS RESULTADOS DOS ANOS DE 2011 E 2012 EM UMA EMPRESA MULTI-NACIONAL

Paulo Cesar Chagas Rodrigues, Fernando Augusto Silva Marins, Fernando Bernardi de Souza

Resumo


A gestão da cadeia de suprimentos, a postergação e a gestão da demanda são operações de importância estratégica para o sucesso econômico das organizações, pois influenciam diretamente o processo produtivo. O objetivo deste artigo é analisar a influência da postergação em uma empresa com sistema produtivo make-to-stock e com demanda sazonal. O método de pesquisa utilizado foi o de estudo de caso, os instrumentos de coleta de dados foram entrevistas semiestruturada, análise documental e visitas in loco. A pesquisa está fundamentada nos seguintes assuntos: Gestão da demanda a qual pode ser entendida como uma prática que permite gerenciar e coordenar a cadeia de suprimentos no sentido inverso, na qual, os consumidores desencadeiam ações para o fornecimento de produtos. A gestão da cadeia de suprimentos é de poder permitir a agregação de valor, superando as expectativas dos consumidores finais, desenvolvendo um relacionamento com fornecedores e clientes do tipo ganha-ganha. A estratégia de postergação deve se adequar às características dos mercados que exigem variedade de produtos e serviços personalizados, de menor custo e maior qualidade, objetivando apoiar as tomadas de decisões. O sistema produtivo make-to-stock se mostra bastante interessante para organizações que estão atuando em mercados com alta variabilidade de demanda.

Palavras-chave


Postergação; Gestão da Cadeia de Suprimentos; Gestão da Demanda; Gestão de estoques; ERP; APS

Texto completo:

PDF

Referências


BAILEY, J. P.; RABINOVICH, E. The Adoption of Inventory Postponement and Speculation: An Empirical Assessment of Oligopolistic Internet Retailers. Transportation Research Part E: Logistics and Transportation Review. v. 42, n. 4, p. 258-271, 2006.

CROXTON, K. L.; GARCÍA-DASTUGUE, S. J.; LAMBERT, D. M.; ROGERS, D. S. The Supply Chain Management Processes. International Journal of Logistics Management, v. 12 n. 2, p.13-36, 2001.

DARÚ, G. H.; LACERDA, V. C. Utilização de Programação Dinâmica Multirotulada para Balanceamento do Uso de Ferramenta. In: CONGRESSO NACIONAL DE MATEMATICA APLICADA E COMPUTACIONAL, 28., 2005, São Paulo. Anais... São Paulo: SENAC, 2005.

DROHOMERESTKI, E.; CARDOSO, P. A.; COSTA, S. E. G. Uma análise comparativa entre a estratégia de postergação de tempo e a estratégia de especulação na cadeia de suprimentos: o impacto no estoque. In: ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, 28., Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro: ABEPRO, 2008. 1 CD-ROM

EDALATKHAH, S. T. Theoretical and experimental investigation of impacto of automatic identification in healthcare & automotive industries in Iran. Dissertação (Mestrado em Business Administration and Social Sciences). Luleå, Sweden: LTU/TMU, 2006.

ENGELSETH, P. The role of the package as na information resource in the supply chain: a case study of distributing fresh foods to retailers in Norway. Dissertations (Department of Strategy and Logistics ), Norwegian: Norwegian School of Management, 2007.

FAVARETTO, F. Uma contribuição ao processo de gestão da produção pelo uso da coleta automática de dados de chão de fábrica. Tese (Doutorado em Engenharia Mecânica), São Carlos: EESC/USP, 2001.

FERREIRA, K. A.; BATALHA, M. O. Condições para aplicação e uso do postponement na indústria de alimentos: o caso da empresa processadora de suco de laranja. In: ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, 27., Foz do Iguaçu. Anais... Foz do Iguaçu: ABEPRO, 2007. 1 CD-ROM

LAMBERT, D. M.; COOPER, M. C.; PAGH, J. D. Supply chain management: implementation issues and research opportunities. International Journal of Logistics Management, v. 9, n. 2, p. 1-19, 1998.

MCADAM, R.; MCCORMACK, D. Integrating business processes for global alignment and supply chain management. Business Process Management Journal, v. 7, n. 2, p.113-130, 2001.

MENDES, F. D.; LIMA, F. D. M.; FUSCO, J. P. A.; SACOMANO, J. B. Postergação como estratégia competitiva no segmento jeanswear da manufatura do vestuário de moda – MVM. In: ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, 28., Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro: ABEPRO, 2008. 1 CD-ROM

NASCIMENTO NETO, R. V.; OLIVEIRA, J. R. A.; GHINATO, P. Supply chain management: aplicação e ferramentas. In: ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, 22., Curitiba. Anais... Curitiba: ABEPRO, 2002.

NG, T. W.; CHUNG, W. The roles of distributor in the supply chain: push-pull boundary. International Journal of business and management. v. 3, n. 7, p 28-39, 2008.

PACHECO, R. F.; CÂNDIDO, M. A. B. Metodologia de avaliação da viabilidade de mudança de estratégia de gestão da demanda de MTO para ATO. Não publicado. PUCPR, 2001.

PANZUTO, N. S.; RODRIGUES, P. C. C. Analysis of inventory in a small business. Independent Journal of a Management & Production, v. 1, n. 1, p. 37-50, 2010. Disponível em: http://www.paulorodrigues.pro.br/ojs/riap/index.php/riap/article/view/6. Acessado em: 15/03/ 2011.

PERAZZA, L., RODRIGUES, P. C. C. Analysis of performance evaluation model through the balanced scorecard in a footwear industry. Independent Journal of a Management & Production, v. 1, n. 1, p. 24-36, 2010. Disponível em: http://www.paulorodrigues.pro.br/ojs/riap/index.php/riap/article/view/5. Acessado em: 15/03/ 2011.

RODRIGUES, P. C. C.; OLIVEIRA, O. J. Engineering-to-order versus make-to-stock strategy: an analysis at two printing companies. Independent Journal of a Management & Production, v. 1, n. 1, p. 1-23, 2010. Disponível em: http://www.paulorodrigues.pro.br/ojs/riap/index.php/riap/article/view/3. Acessado em: 15/03/ 2011.

TAN, K. C. Supply chain management: practices, concerns, and performance issues, Journal of Supply Chain Management, v. 38, n.1, p.42-53, 2002.

VAN HOEK, R. I.; DIERDONCK, R. V. Postponed manufacturing supplementary to transportation services? Transportation Research Part E: Logistics and Transportation Review, v. 36, n. 3, p. 205-217, 2000.

VEROL, M. V. A. Estratégias logísticas nas empresas de telefonia celular: status e oportunidades na gestão de aparelhos. Dissertação (Mestrado Profissionalizante em Administração). Rio de Janeiro: IBMEC, 2006.

WALLIN, C.; RUNGTUSANATHAM, J.; RABINOVICH, E. What is the “right” inventory management approach for a purchased item?. International Journal of Operations & Production Management. v. 6, n. 26, p. 50-68, 2006.

WIDIARTA, H.; BERGHEN, B. V. Inventory systems for a make-to-stock and make-to-order environment. Journal of the Institution of Engineers, v. 44, n. 4, p. 31-40, 2004.

YANG, B.; BURNS, N. D. Implications of postponement for the supply chain. International Journal of Production Research, v. 41, n. 9, p. 2075-2090, 2003.

YANG, B.; BURNS, N. D.; BACKHOUSE, C. J. The management of uncertainty through postponemen., International Journal of Production Research,v. 42, n. 6, p. 1049-1064, 2003.

ZANG, C.; TAN, G. Classification of Postponement Strategies and Performance Metrics Framework. In: PACIFIC ÁSIA CONFERENCE ON INFORMATION SYSTEMS, 5., 2001. Proceedings Soul, Korea, 20- 22 june, 2001. Disponível em: . Acesso em: mar, 2010.

ZINN, W. O retardamento da montagem final de produtos como estratégia de marketing e distribuição. Revista de Administração de Empresas, v. 4, p. 53-59, 1990.




DOI: http://dx.doi.org/10.18227/2237-8057rarr.v6i1.3017

Revista de Administração de Roraima -RARR
Roraima Management Review -RMR
e-ISSN: 2237-8057 | DOI: 10.18227/2237-8057rarr
Centro de Ciências Administrativas e Econômicas
Departamento de Administração
Universidade Federal de Roraima
Boa Vista - Roraima - Brasil

Telefone:+55 (95)3621-3149
Email:rarr.ufrr@gmail.com
Endereço:Av. Cap. Ene Garcez, 2413, bloco II, sala 243
Bairro Aeroporto, Campus Paricarana - UFRR
Cep:69310-000
Revista sob
Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.
Bookmark and Share